Sala de Aula Invertida e Interdisciplinaridade matemática com o 6º ano

Práticas desenvolvidas  com estudantes objetivaram  diversificar o ensino com metodologias inovadoras

Os alunos do 6º ano da Escola Bom Pastor-Martinus desenvolveram uma atividade interdisciplinar entre Matemática e Educação Física utilizando metodologia da sala de aula invertida. Como parte do currículo escolar do 6º ano está o ensino de multiplicação, potenciação e divisão de números na forma decimal, que desta vez foi abordado de maneira diferente. O professor Fabio, de matemática, trabalhou a metodologia da sala de aula invertida com os alunos. Essa metodologia faz parte do modelo blended learning ou ensino híbrido, uma divisão do método e-learning

Dentro desse modelo, encontram-se categorizações, entre elas o conceito de sala de aula invertida, em que os alunos têm acesso ao conhecimento  em casa antes de ser abordado em sala de aula, através de material enviado pelo professor. Já em sala de aula, o professor realiza uma nova explicação no intuito de retirar as dúvidas. A ideia desse modelo é o aluno fazer o processo de apropriação do conhecimento em casa através dos materiais enviados  e o processo de assimilação e interiorização do conhecimento se faz em sala de aula com a mediação do professor. 

Dessa forma, na oportunidade, os alunos receberam materiais em vídeo-aulas, com explicações e resoluções de exercícios do conteúdo de multiplicação e divisão de números na forma decimal. Além disso, o professor Fabio, em parceria com a professora de Educação Física, abordou esses conceitos matemáticos no cálculo do Índice de Massa Corporal. Na ocasião, foram medidos a altura e o peso de cada aluno, os quais realizaram suas anotações e o cálculo do seu IMC. 

Essas práticas objetivam diversificar o ensino com metodologias inovadoras e aliadas a um ensino interdisciplinar, além de  proporcionar um ensino de qualidade e significativo.

2019-09-27T15:01:39+00:00 27 setembro 2019|Bom Pastor|